Invernico de agosto!

Comemoramos a chegada do verão no hemisfério norte com uma lasanha para a janta. Era o dia 23 de junho e a temperatura máxima aqui foi de 16º! Claro, foi uma brincadeira saborear pratos típicos de inverno nessa estação, mas acabou sendo a realidade todo o mês de junho, julho e persiste até o final de agosto! Dia desses chegamos aos 31º! E foi bem engraçado ver as pessoas (aparentemente ingleses) pelos parques e ruas, se abanando e com pouca roupa. O aeroporto da cidade anda super movimentado nesses meses de férias e muita gente bem queimada do sol de outras ilhas, ou bronzeamento artificial mesmo circulando por ai. Mas em geral, a média de temperaturas ficou entre 17º e 20º, com chuviscos e vento. Me lembra a famosa expressão veranico de maio em Porto Alegre, quando em pleno inverno do sul, tínhamos aquelas semanas perto dos 30º.

Pois é… por aqui está tudo meio virado também, tudo meio mão inglesa. De qualquer forma, aproveitamos a temporada para curtir uns picnics (quando não chove), comer frutas e sorvete (quando não está muito frio) e, bem, correr por ai sem desidratar de tanto suar. E posso usar calça jeans sem derreter só de olhar pra ela! Sinto falta do calor e do sol sim… Mas, dormir todas as noites com um edredonzinho em pleno verão, não é nada mau. Que tal?

Worthington Park em Manchester com raro céu azul sem nuvens (lwg)

Worthington Park em Manchester com raro céu azul sem nuvens (lwg)

Anúncios

Welcome!

Welcome to England, he said
Welcome to my world
You better bring your sun, sweet girl
(T. Amos)

Um ano morando na Inglaterra… Bem, não sei se comemoro, choro… na verdade, são tantas emoções! Quando viemos morar no Reino Unido (os ingleses só consideram Europa os países localizados além da sua própria ilha), não havia tapete vermelho estendido na pista do aeroporto e até hoje não fui convidada para o chá das cinco com a rainha.

Muita coisa aconteceu em nossas vidas desde a partida do Brasil. Parece tanto tempo e parece tão rápido. Tudo é muito diferente do Brasil. Ou não. Já me acostumei com o sol se pondo pelas 4h da tarde no inverno e a dizer sorry cada vez que quase encosto em alguém no supermercado. Ainda temo os bêbados (muitos) pelas ruas e andar de trem em dia de jogo de futebol. Mas já sei pedir chips em vez de french fries e a tomar chá pontualmente a qualquer hora do dia, sem me desculpar por não gostar de chimarrão.

Ontem, ficamos sabendo que Manchester foi escolhida a melhor cidade da Inglaterra para se viver. A pesquisa, publicada pela Global Liveability Survey (Economist Intelligence Unit), leva em conta critérios como saúde, educação, estabilidade, cultura, desenvolvimento e infraestrutura, entre outros. Será? Bem, uma coisa é certa… apesar da pontualidade britânica andar em baixa e a vida pacata do interior não ser bem assim, uma coisa é certa: estamos curtindo bastante a vida por aqui e vamos ver no que dá. Quem quiser embarcar com a gente é só nos seguir. De repente pegam o gostinho e um avião para nos visitar. Que tal?

Manchester em diferentes estações do ano

Manchester em diferentes estações do ano

Welcome4 Welcome3