“Atravessamos o deserto do Saara…”

IMG_20171016_122426717

Vista da janela da minha casa ontem – lwg

o sol estava quente” e deixou Manchester toda em tom sépia. Amarela, avermelhada. Cor de abóbora! O fenômeno ontem durou cerca de 8 horas e deixou o povo intrigado. Mas, para tudo, sempre há uma explicação! Científica, é claro.

Esclarecimentos sobre o que ocorreu ontem aqui na Ilha, que parecia da magia! Mesmo!

– Furacão Ophelia ao se deslocar para o Reino Unido trouxe poeira da Espanha e Portugal
– A poeira continha fuligem das recentes queimadas na península Ibérica e areia
– Areia que veio do deserto do Saara na África, também engolfada pelas rajadas do furacão
– Essa combinação de partículas + a massa úmida (e eterna!) da Inglaterra criou essa parta sépia, um papel machê no céu
– A ventania trouxe também uma massa de ar quente que elevou os ponteiros. Máxima de 20º na cidade
– Carros pela rua cobertos de poeira

Outono com 20º na Inglaterra realmente é um fenômeno! Pra mim, tá valendo! Também curti o clima de Halloween pelas ruas ontem e sentir um vento a mais nos cabelos! De uma certa forma, me lembra os ventos de verão no Brasil. Lufadas assim do nada. Que tal?

* Consultoria científica: Luiz Carlos Gomes, professor de Astronomia e Márcia Braga, professora de Física do CMPA(Porto Alegre).

 

Anúncios

2 comentários sobre ““Atravessamos o deserto do Saara…”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s